Transforme desculpas em desempenho

"O computador travou", "o sistema ficou instável", "meu cachorro comeu o pen drive que tinham os últimos relatórios". Se você é líder de alguma equipe, você já ouviu frases de desculpas que lembram essas. Antes de se descontrolar por aí, descubra nesse artigo como lidar com essas situações e como transformar desculpas em um ótimo desempenho da sua equipe.

Sumário

A liderança eficaz é um dos pilares fundamentais para o sucesso de qualquer organização.

Em algum momento da sua trajetória como líder, você já deve ter tido no seu time aquele funcionário que constantemente dava desculpas e não conseguia entregar resultados satisfatórios.

Essa situação pode minar a confiança na equipe e afetar negativamente o desempenho geral da empresa.

Já adianto, não adianta ficar com raivinha querer controlar cada passo desse funcionário.

Lembre-se de controlar as suas emoções e de tomar decisões racionais.

E pode ficar tranquilo que neste artigo, vamos explorar algumas estratégias para enfrentar esse desafio sem que você saia gritando tudo o que está entalado na sua garganta.

1. Compreenda as Razões por Trás das Desculpas

A primeira etapa para lidar com um funcionário que sempre dá desculpas é compreender as razões por trás desse comportamento.

Isso mesmo, meu jovem líder, na maioria das vezes essas desculpas não acontecem só por que o funcionário está “fazendo corpo mole” ou “quer te enlouquecer”.

E, me desculpe, mas eu preciso falar isso, nessa maioria das vezes a falta de desempenho pode estar relacionada a questões de alinhamento, habilidades ou motivação, que estão diretamente relacionadas ao seu papel como líder.

Por isso você deve investir tempo e esforço para identificar a causa raiz do problema.

Conversas individuais e feedback construtivo são fundamentais para entender o que está impedindo o funcionário de atingir seus objetivos.

Essas conversas devem ser pautadas pela empatia, buscando entender as perspectivas do funcionário e suas preocupações.

2. Alinhe expectativas e objetivos

Quando alguém não entende muito bem o que se espera dele, é impossível que ele realmente faça aquilo que é esperado.

Então chega o momento da entrega do resultado e não existe o resultado, ou ele é completamente diferente do que se previa.

Se coloque no lugar de um funcionário que passa por isso: “Como vou dizer, depois de tanto tempo trabalhando nessa tarefa, que eu não entendi o que era para ser feito aqui?” ou “Como posso dizer que não sabia quais eram os meus objetivos com esse projeto?”.

E aí entram as desculpas. Afinal, é mais fácil inventar que o cachorro comeu metade da planilha do que admitir que não havia compreendido certas coisas.

Então você, líder, precisa definir metas e resultados esperados de forma clara e objetiva.

Essas conversas de alinhamento devem ocorrer desde o início do relacionamento com o funcionário e serem reforçadas regularmente.

Ao comunicar as expectativas, é importante também ouvir o funcionário e garantir que ele compreenda o que é necessário para alcançar os resultados desejados.

Essa abordagem evita mal-entendidos e deixa pouco espaço para desculpas por falta de compreensão.

3. Promova o desenvolvimento de habilidades e conhecimento

Outro fator que pode levar a desculpas é a falta de habilidades ou conhecimentos necessários para realizar a tarefa.

Vamos fazer o exercício mental de pensar como o funcionário mais uma vez.

Você repassa a tarefa para ele preencher um relatório em um determinado sistema que a empresa utiliza. Só que ele nunca mexeu nesse sistema.

No momento em que essa tarefa chega a ele, o primeiro pensamento é “eu deveria saber fazer isso, como vou dizer que não sei?”.

Você deve conhecer as habilidades de cada integrante do seu time e investir no desenvolvimento contínuo deles, oferecendo treinamentos, mentorias e oportunidades para aprimorar e adquirir novas habilidades.

Compartilhar abordagens eficazes e exemplos de projetos anteriores pode ajudar a mostrar ao funcionário como a tarefa deve ser realizada.

Incentive uma cultura de aprendizado, onde os funcionários se sintam à vontade para buscar conhecimentos adicionais e aprimorar suas habilidades.

4. Invista na motivação e no reconhecimento

A falta de motivação é outro motivo comum para as desculpas constantes.

Nesse caso, o você precisa se concentrar em inspirar e engajar o funcionário.

Comunicar a importância da tarefa e como ela contribui para os objetivos maiores da empresa é fundamental.

Oferecer incentivos positivos, como reconhecimento público e oportunidades de crescimento, pode ser uma ótima maneira de manter a motivação em alta.

Por outro lado, também é importante discutir as consequências negativas de não cumprir responsabilidades, mas sempre de forma construtiva e não punitiva.

5. Conheça os perfis comportamentais

Como um passo extra, o você pode se aprofundar no conhecimento sobre os perfis comportamentais de sua equipe.

Compreender as diferenças de comunicação e as preferências individuais pode ajudar a lapidar as arestas no relacionamento com o funcionário que oferece desculpas constantes.

Através desse entendimento, o você pode adaptar sua abordagem de gestão para melhor se comunicar com o funcionário, incentivando uma maior receptividade e compreensão das metas e expectativas.

Tudo isso faz parte da criação de um relacionamento de confiança entre um líder e seu time.

Se você quer aprimorar suas habilidades de liderança e aumentar a conexão com o seu time, nos chama no WhatsApp.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!
Pesquisar

Posts Recentes

Categorias

Nossas Redes Sociais